BC: base monetária cresce 2,5% na média em novembro

A base monetária, ou seja, a soma do papel moeda em circulaçãoe das reservas bancárias, subiu 2,5% em novembro pela média dos saldos nos dias úteis, de acordo com dados divulgados hoje pelo Banco Central. A base monetária somou no mês passado R$ 127,393 bilhões, sendo R$ 86,141 bilhões de papel moeda emitidos pelo Banco Central (alta de 1,7%) e R$ 41,252 bilhões de reservas bancárias (alta de 4%). Nos últimos 12 meses até novembro, a base monetária subiu 21,5% pelo critério da média dos saldos nos dias úteis. Pelo critério de saldos em final de período (ponta), a base monetária subiu em novembro 6,4%, atingindo R$ 130,847 bilhões. No período acumulado de 12 meses encerrados em novembro, a base, na ponta, subiu 24,2%. Por esse critério, o volume de papel moeda emitido atingiu R$ 88,018 bilhões, com alta de 5,1%. Já as reservas bancárias atingiram R$ 42,829 bilhões, com alta de 9,2%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.