BC britânico pode manter juro baixo por mais tempo, diz economista-chefe

O banco central britânico pode precisar manter a taxa de juros baixa por mais tempo do que imaginado para reduzir a chance de a economia da Grã-Bretanha cair em estagnação a longo prazo, afirmou nesta sexta-feira o economista-chefe da instituição, Andrew Haldane.

REUTERS

17 de outubro de 2014 | 08h03

Haldane afirmou que agora está mais pessimista sobre o cenário para a economia devido ao crescimento global mais fraco, aos maiores riscos financeiros e políticos e ao perigo de que os salários e a produtividade possam continuar com dificuldades.

"Estou mais pessimista", disse Haldane. "Isso significa que a taxa de juros pode continuar baixa por mais tempo, certamente do que eu esperava há três meses", acrescentou.

As declarações de Haldane foram dadas ao final de uma semana em que os mercados jogaram para o final do próximo ano suas expectativas sobre o momento da primeira elevação dos juros pelo BC. No mês passado, os mercados esperavam que a autoridade monetária começasse a elevar os juros no início do próximo ano.

(

Tudo o que sabemos sobre:
MACROGRABRETANHAJUROS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.