BC cogita novas revisões para economias da Europa

O diretor de Política Econômica do Banco Central (BC), Carlos Hamilton, disse hoje que revisões ainda mais profundas para o crescimento econômico nos países da Europa poderão ocorrer. "Essa revisão é possível", disse. Ele ponderou ainda que as revisões de crescimento para os países emergentes têm sido mais moderadas.

ADRIANA FERNANDES E FERNANDO NAKAGAWA, Agencia Estado

29 de setembro de 2011 | 13h36

Segundo ele, devido ao pessimismo em relação aos problemas fiscais enfrentados por muitas economias maduras, as projeções de crescimento dos países têm sofrido cortes drásticos.

Hamilton avaliou também que a inflação elevada é observada em todos os continentes. Por outro lado, ressaltou que o movimento agora é de desinflação no mundo entre 2011 e 2012. "Essa desinflação no mundo não virá da política monetária, virá de outras fontes", disse o diretor do BC, sem citar quais seriam essas fontes.

Ele mais uma vez chamou atenção para o signficado de desinflação. "Desinflação é inflação recuando. Não é preço recuando", ponderou.

Tudo o que sabemos sobre:
Banco CentralrelatórioEuropa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.