finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

BC compra US$ 3 bi e reservas vão a US$ 170,6 bi

Com a volta do Banco Central (BC) ao mercado de câmbio, as reservas internacionais atingiram os US$ 170,6 bilhões. Esse saldo, considerado um seguro para o País enfrentar crises externas, cresceu US$ 1,3 bilhão só na segunda-feira (dia 5), que refletiu as compras de dólar na quarta-feira da semana passada (dia 31).Pelas estimativas do mercado, o BC comprou mais de US$ 3 bilhões em apenas três dias úteis de novembro, o que equivale a 25% do aumento das reservas entre agosto e outubro. Ontem, o BC comprou dólares pela 19ª vez seguida. A expansão das reservas alimentou o debate sobre a melhor forma de aplicá-las.O ex-diretor do BC Carlos Thadeu de Freitas estima que as reservas atinjam US$ 200 bilhões em 2008. Mas, para ele, os atuais US$ 170 bilhões são adequados para a segurança do País. "Diria que é até um pouco exagerado, por conta do custo alto", disse, ao lembrar que, para comprar dólares, o Brasil precisa se endividar em reais, ao custo do juro mais alto do mundo. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.