BC: crédito cresce 3,1% em novembro ante outubro

Às vésperas do início de 2008, a concessão de empréstimos no Brasil continua crescendo impulsionada por novos investimentos e reposição de estoques das empresas do comércio e da indústria. As operações de crédito do sistema financeiro tiveram, em novembro, uma expansão de 3,1%, ante o mês de outubro, informou hoje o Departamento Econômico (Depec) do Banco Central (BC). Com esse crescimento, o estoque dessas operações aumentou de R$ 881,615 bilhões para R$ 908,775 bilhões. Em outubro, a expansão havia sido de 2,7% na comparação com agosto.Para o BC, o crescimento em novembro foi "significativo? e compatível com o dinamismo da atividade econômica, refletindo o aumento das transações empresariais típicas do final do ano. "Desse forma, a demanda de crédito por parte das empresas concentrou-se na modalidade de capital de giro, traduzindo o aumento de financiamentos tanto para novos investimentos quanto para reposição de estoques do comércio e da indústria?, avalia nota divulgada pelo Depec.O relatório destaca que a concessão de crédito para as pessoas físicas foi puxada para aquisição de bens duráveis e continua estimulada pelas condições favoráveis do mercado de financiamento e pelos indicadores positivos de mercado de trabalho.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.