BC: crédito deve chegar a 40% do PIB até dezembro

O total das operações de crédito no sistema financeiro superou a marca de R$ 1 trilhão em abril. O número não surpreendeu o chefe do Departamento Econômico do Banco Central, Altamir Lopes. Ele disse que a expansão do crédito tem ocorrido em ritmo "dentro do esperado" e reafirmou a previsão oficial do BC de que a proporção entre o crédito e o PIB deve atingir 40% até o final do ano. Em abril, a relação estava em 36,1%, maior patamar desde janeiro de 1995 quando estava em 36,8%."O resultado veio em linha com a projeção de que o crédito atinja patamar correspondente a 40% do PIB até o final do ano", disse Altamir. Para ele, os empréstimos devem continuar crescendo, sobretudo nas operações voltadas às pessoas jurídicas. "Esse segmento cresce de forma bastante expressiva", reforçou.Um dos exemplos são as indústrias. Em abril na comparação com março, os empréstimos para o setor cresceram 3%, acima da média da expansão do crédito, que aumentou 2,5%. Segundo Altamir, os recursos têm sido tomados de forma disseminada entre os setores. Petroquímica, metalurgia, mineração, construção civil, álcool lideram entre os segmentos, citou.Mas outras áreas foram do setor industrial também têm tomado mais empréstimos. Lojas de veículos, lojas de departamento, consultorias e empresas de telecomunicação também foram destacados pelo chefe do Departamento Econômico do BC.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.