BC: crédito habitacional já representa 4% do PIB

O chefe do Departamento Econômico do Banco Central (BC), Túlio Maciel, afirmou hoje que o estoque do crédito habitacional, que atingiu R$ 150,731 bilhões no mês passado, já representa 4% do Produto Interno Bruto (PIB). Em março do ano passado, esse estoque correspondia a 3,1% do PIB.

EDNA SIMÃO E FABIO GRANER, Agencia Estado

27 de abril de 2011 | 12h53

Segundo dados divulgados hoje pelo BC, o estoque de crédito habitacional cresceu 3% em março ante fevereiro. Nos últimos 12 meses, houve alta de 49,6%. Na avaliação de Maciel, o forte crescimento do crédito habitacional tem impacto restrito na inflação. Tanto é que esse tipo de crédito ficou fora das medidas macroprudenciais, anunciadas no fim do ano para desacelerar a expansão do crédito. "É um crédito de longo prazo (habitacional). O impacto disso é restrito na inflação", afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:
créditoimóveishabitaçãoBC

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.