BC do Japão mantém juro e diz que não tolerará deflação

O Banco do Japão informou nesta segunda-feira, após manter a taxa básica de juro em 0,10 por cento, que não irá tolerar a deflação.

REUTERS

18 de dezembro de 2009 | 07h20

"Acreditamos ser uma tarefa muito importante para nós tirar o Japão da deflação e colocar a economia de volta em um crescimento sustentável com estabilidade de preços", disse o banco central em comunicado.

A manutenção do juro foi unânime e ficou em linha com a previsão de analistas.

(Por Leika Kihara)

Tudo o que sabemos sobre:
MACROJAPAOJURO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.