BC do Japão reduz juro básico de 0,5% para 0,3%

O Comitê de Política Monetária do Banco do Japão (BoJ, banco central japonês) decidiu nesta sexta-feira afrouxar sua política monetária, preocupado com os efeitos da desaceleração econômica global e do aprofundamento da crise financeira sobre o país. O Comitê reduziu a principal taxa de juros da economia japonesa, a "overnight call loan rate", de 0,5% para 0,3%, marcando a primeira liberalização da política monetária desde março de 2001, quando o banco central implementou a política de forte expansão monetária. A discussão pelo corte dos juros terminou empatada dentro do comitê, em 4 a 4. A decisão final coube ao presidente do BoJ, Masaaki Shirakawa. O banco central japonês também decidiu pagar rendimentos de 0,1% - a partir de novembro e até março de 2009 - sobre o excedente dos depósitos em conta corrente das instituições financeiras. Em nota, a instituição declarou que decidiu tomar as medidas para manter as "condições financeiras de adaptação", dado que ?a acentuada desaceleração da atividade econômica no Japão provavelmente permanecerá por vários trimestres, afetando negativamente as exportações e com a tendência de aumentos dos preços da energia e das matérias-primas persistindo.? As informações são da Dow Jones.

FÁBIO M. MICHEL, Agencia Estado

31 Outubro 2008 | 05h19

Mais conteúdo sobre:
Japão juros corte

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.