Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

BC do México deixa juro em 4,5%

O banco central do México manteve o juro inalterado em 4,5% na reunião de política monetária de ontem, como era esperado, e indicou que não mexerá na taxa por algum tempo. O comunicado divulgado após o encontro, segundo analistas do Barclays, apresentou um tom equilibrado, apontando algum avanço nos indicadores econômicos domésticos, mas ressaltando a cautela em relação à força e ao fôlego da recuperação. O BC mexicano disse que decidiu "estender a pausa" anunciada em julho. Os analistas afirmam que os riscos de inflação no México podem caminhar para alta.

, O Estadao de S.Paulo

22 de agosto de 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.