BC faz projeções para 2º semestre otimistas

O Estado de S.Paulo

22 de julho de 2012 | 03h09

A possibilidade de deflação na China é baixa e o crescimento da segunda maior economia do mundo deve se estabilizar no segundo semestre, disse neste sábado Song Guoqingm, conselheiro do banco central chinês. O PIB da China cresceu 7,6% no segundo trimestre, ante o mesmo período do ano passado. Diante desse resultado, a China tomou uma série de medidas para reavivar a economia. Song afirmou que espera que a demanda doméstica permaneça fraca e a inflação continue moderada nos próximos meses.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.