finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

BC intervém e dólar recua

Mais uma vez o Banco Central (BC) entrou no mercado de câmbio a fim de conter a escalada das cotações do dólar. Desta vez, o BC não leiloou títulos cambiais, mas vendeu moeda norte-americana por meio dos dealers - bancos credenciados pelo BC para participar de leilões informais de câmbio -, pressionando para baixo o preço do dólar. A moeda norte-americana chegou ao patamar máximo de R$ 2,4750 e recuou para R$ 2,4600. Há pouco estava cotado a R$ 2,4640 na ponta de venda dos negócios - alta de 2,16% em relação aos últimos negócios de sexta-feira.O mercado financeiro está reagindo temeroso às mudanças econômicas anunciadas pela Argentina na sexta-feira, logo após o fechamento dos mercados (veja mais informações no link abaixo). O pacote econômico, que tem como uma das principais mudanças uma taxa de câmbio diferenciada para o comércio exterior, traz aos investidores insegurança com relação à manutenção da paridade cambial com o dólar. Como 90% da dívida pública e 70% da dívida privada são corrigidas pelo dólar, o fim da paridade cambial levaria à quebra de empresas e de um déficit exorbitante nas contas do governo. Diante do risco, que afeta todos os países com os quais a Argentina mantém relações comerciais, inclusive o Brasil, os investidores aumentam a demanda por moeda norte-americana como forma de hedge (proteção). Esse quadro é agravado pelas incertezas provocadas pelo problema de falta de energia no Brasil e as incertezas em relação ao processo eleitoral para presidente em 2002. Todo este cenário inibe a entrada de recursos estrangeiros para o Brasil, ou seja, a oferta é reduzida ao mesmo tempo em que aumenta a demanda.A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) está em queda de 2,88%. Os contratos de juros de DI a termo - que indicam a taxa prefixada para títulos com período de um ano - pagam juros de 22,960% ao ano, frente a 21,800% ao ano registrados na sexta-feira. Nos Estados Unidos, o Dow Jones - índice que mede a variação das ações mais negociadas na Bolsa de Nova York - está em alta de 0,50%, e a Nasdaq - bolsa que negocia ações de empresas de alta tecnologia e informática em Nova York - opera com queda de 1,18%. InvestimentosNão deixe de ver no link abaixo as dicas de investimento, com as recomendações das principais instituições financeiras, incluindo indicações de carteira para as suas aplicações, de acordo com o perfil do investidor e prazo da aplicação. Confira ainda a tabela resumo financeiro com os principais dados do mercado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.