Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

BC: juro e inadimplência caem 0,1 ponto em outubro

A taxa média de juros nas operações de crédito bancário recuou para 35,4% ao ano em outubro, ante 35,5% ao ano em setembro, de acordo com dados do Banco Central divulgados hoje. Nos últimos 12 meses, a taxa média de juros caiu seis pontos porcentuais.A taxa média dos empréstimos a empresas (pessoa jurídica) subiu para 23,4% ao ano em outubro, ante 23,1% ao ano em setembro. Em 12 meses, porém, acumula queda de quatro pontos porcentuais. Para a pessoa física, os juros caíram de 46,3% ao ano em setembro para 45,8% ao ano em outubro. Em 12 meses, a queda na taxa média da pessoa física foi de 7,7 pontos porcentuais.O spread bancário (diferença entre a taxa paga pelo banco na captação dos recursos e a cobrada dos clientes na realização do empréstimo) recuou em outubro para 24,4 pontos porcentuais, ante 24,6 pontos porcentuais em setembro. Em 12 meses, o spread bancárioa caiu 3,6 pontos porcentuais.O prazo médio dos empréstimos ficou estável em 341 dias. O prazo médio para pessoa jurídica subiu de 269 dias para 270 dias. Enquanto para pessoa física caiu de 420 dias 419 dias.InadimplênciaA taxa de inadimplência do crédito caiu em outubro de 4,6% para 4,5%, na comparação com setembro, segundo o BC. Em 12 meses até outubro, o total de pagamentos em atraso está com acumulada de 0,6 ponto porcentual.Nos empréstimos a pessoas físicas, a inadimplência caiu, em outubro, ante setembro, de 7,1% para 7%. Nos empréstimos a pessoas jurídicas, a inadimplência permaneceu estável, na mesma base de comparação, em 2,3%.

FABIO GRANER E FERNANDO NAKAGAWA, Agencia Estado

27 de novembro de 2007 | 11h20

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.