BC: juro médio dos bancos cai para 35,5% em setembro

A taxa média de juros dos bancos caiu de 35,7% em agosto para 35,5% ao ano em setembro, de acordo com o Departamento Econômico (Depec) do Banco Central (BC). No período acumulado de 12 meses, a taxa média de juros registra redução de 6 pontos porcentuais.Nos empréstimos dos bancos para pessoas físicas, a taxa média de juros foi de 46,3% ao ano em setembro. Em agosto, era de 46,6%. Em contrapartida, a taxa média de juros dos empréstimos para empresas (pessoas jurídicas) aumentou em setembro para 23,2% ao ano, de 23,1% em agosto. Mesmo assim, a taxa média dessas operações acumula uma queda de 4,1 pontos porcentuais em 12 meses até setembro.DiferençaO Banco Central também registrou uma queda do spread médio das operações de crédito de 24,7 pontos porcentuais em agosto para 24,6 pontos porcentuais em setembro. No período de 12 meses, o spread caiu 3,2 pontos porcentuais. O spread é a diferença entre a taxa de juros paga pelo banco para captar os recursos e a taxa de juros praticada para o tomador final.Nos empréstimos para pessoas jurídicas, o spread foi de 35 pontos porcentuais em setembro. Nas operações de pessoas jurídicas, essa diferença de taxas ficou em 12,7 pontos porcentuais. A queda acumulada em 12 meses até setembro do spread dessas operações é de apenas 0,8 ponto porcentual.InadimplênciaA taxa de inadimplência no crédito bancário caiu, em setembro, de 4,7% para 4,6%, na comparação com agosto, segundo o BC. Em 12 meses até setembro, a inadimplência está com queda acumulada de 0,5 ponto porcentual.Nos empréstimos a pessoas físicas, a inadimplência caiu, em setembro, também ante agosto, de 7,2% para 7,1%. Nos empréstimos a pessoas jurídicas, a inadimplência caiu, na mesma comparação, de 2,4% para 2,3%.

GUSTAVO FREIRE, Agencia Estado

23 de outubro de 2007 | 11h34

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.