BC liquida os consórcios Convert e Varaschin

A diretora de Fiscalização do Banco Central (BC), Tereza Grossi, disse há pouco que decidiu liquidar hoje duas administradoras de consórcio. Ela explicou que as empresas Convert - Administradora Nacional de Bens, com sede em São Paulo, e a Varaschin, de Pato Brando, Paraná, tinham problema administrativos e financeiros.A Convert foi liquidada por não ter conseguido fazer um aporte de capital de R$ 810 mil, necessário para que pudesse operar em mercado. A solicitação do aporte foi feita em maio deste ano aos controladores Francisco Edson de Souza e Sérgio Soares de Souza, mas o BC não recebeu nenhuma resposta. A diretora esclareceu que desde meados de 1999 a empresa não criou algum novo grupo de consórcio e estava sem grupos em atividade. "Esse era um consórcio que estava parado", disse Tereza. Apesar disso, existiam 18 bens pendentes de entrega num valor de aproximadamente R$ 292 mil.A decisão de liquidar a Varaschin ocorreu em função da incapacidade da empresa de honrar compromissos e da descoberta de desvio de recursos de aproximadamente R$ 3,2 milhões dos seus clientes. "Os recursos estavam sendo desviados para empresas ligadas e continuavam sendo registrados contabilmente como uma disponibilidade da empresa de consórcios, quando, na verdade, eles já tinham sido desviados", disse a diretora do BC. A deficiência patrimonial da empresa, calculada pelo BC, era de aproximadamente R$ 3,3 milhões. "Em agosto nós enviamos uma carta para o consórcio solicitando uma solução para o problema, mas empresa não respondeu. Então decidimos liquidar a empresa", afirmou a diretora do BC. A Varaschin era controlada por Armínio Santo Massarollo e por Cleynor Fernando Massarollo. De acordo com a diretora do BC a administradora de consórcio ainda tinha 23 grupos de veículos (motocicletas), 1.450 consorciados ativos e 60 bens pendentes de entrega.

Agencia Estado,

13 de setembro de 2001 | 17h43

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.