coluna

Carolina Bartunek: ESG, o que eu tenho a ver com isso?

BC prorroga flexibilização para compulsório bancário

O Banco Central prorrogou para 30 de junho o prazo em que os bancos podem abater dos recolhimentos compulsórios operações feitas com instituições menores, como a compra de carteiras de crédito.

REUTERS

26 de março de 2009 | 17h44

O prazo para esse abatimento, instituído a partir de outubro em meio ao agravamento da crise financeira global, se encerrava em 31 de março.

Além das carteiras de crédito, também podem ser abatidas do recolhimento compulsório em espécie a aquisição de direitos creditórios e letras de arrendamento mercantil, entre outros.

Nesta quinta-feira, o Conselho Monetário Nacional aprovou a criação de um novo programa de garantias para bancos que também visa reforçar o caixa de bancos pequenos e médios.

(Reportagem de Isabel Versiani)

Tudo o que sabemos sobre:
BACENCOMPULSORIOPRORROGACAOATUA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.