BC reduz projeção de reservas internacionais

O Banco Central reduziu sua projeção de reservas internacionais brutas, para este ano, de US$ 54,061 bilhões para US$ 52,712 bilhões. A estimativa do BC para as reservas internacionais líquidas (sem os recursos do FMI) foi reduzida, ao mesmo tempo, de US$ 37,320 bilhões para US$ 36,825 bilhões. O chefe do Departamento Econômico do Banco Central. Altamir Lopes, explicou que a redução nas estimativas foi provocada, principalmente, por uma diminuição da expectativa de ingresso de recursos do Banco Mundial e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), de US$ 2 bilhões para US$ 1,5 bilhão. Esta redução, segundo Altamir, ocorreu porque houve uma postergação de parte dos repasses para 2006. O Banco Central, ao mesmo tempo, reduziu a previsão de superávit do balanço de pagamentos, este ano, de US$ 2,3 bilhões para US$ 2,1 bilhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.