BC refaz contas e vê aumento maior no gás de cozinha

A previsão de aumento do gás de cozinha feita pelo BC subiu expressivamente nas últimas semanas. Até julho, a instituição acreditava que haveria estabilidade no preço no decorrer de 2009. Mas a evolução recente dos valores praticados em algumas regiões do País obrigou técnicos a refazerem os cálculos e o BC passou a estimar aumento médio de 6,9% no ano. O setor não é tabelado. Nas últimas quatro semanas, o preço médio do botijão de 13 quilos aumentou 5,7% na Região Centro-Oeste, para R$ 40,48. Na média do Sudeste, o reajuste foi menor, de 2%, segundo dados da ANP.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.