BC selecionará gestores de parte das reservas internacionais

Cada uma das seis instituições financeiras escolhidas administrará carteira de US$ 1 bi de ativos das reservas

Fernando Nakagawa, da Agência Estado,

25 de setembro de 2009 | 16h21

O Banco Central (BC) iniciou nesta sexta-feira, 25, o processo de seleção de até seis instituições financeiras para a gestão de até US$ 6 bilhões das reservas internacionais. O processo faz parte do Programa de Gerenciamento Externo das Reservas Internacionais criado em 2000, que alterna as instituições de três em três anos.

 

Em nota, a autoridade monetária informa que o programa tem permitido ao BC "acessar as mais avançadas tecnologias de alocação de ativos e novos conhecimentos sobre os mercados financeiros."

 

Para participar do processo, as instituições têm que possuir experiência na gestão de títulos de renda fixa de outros países, títulos corporativos, ações, commodities e moedas. Os interessados precisam comprovar experiência de gestão de uma carteira de ativos de, no mínimo, US$ 100 bilhões em 30 de junho de 2009.

 

Se houver bom desempenho, o mandato poderá ser renovado. Cada gerente administrará uma carteira de US$ 1 bilhão de ativos das reservas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.