Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

BC: US$ 767 mi saíram do País na 3ª semana de agosto

O fluxo cambial teve a segunda semana seguida de saída líquida de recursos. De acordo com dados detalhados hoje pelo Banco Central (BC), foi registrado o resultado negativo de US$ 767 milhões na terceira semana do mês, entre os dias 17 e 21. Na segunda semana de agosto, entre 10 e 14, já haviam saído US$ 233 milhões.

FERNANDO NAKAGAWA, Agencia Estado

26 de agosto de 2009 | 13h15

Na terceira semana do mês, o segmento comercial liderou a saída de recursos, com déficit de US$ 827 milhões. O valor foi resultado de importações totais de US$ 2,722 bilhões, valor maior que as exportações, que somaram US$ 1,896 bilhão. Na conta financeira, houve ingresso líquido de US$ 60 milhões na terceira semana do mês. O valor foi resultante de ingressos de US$ 5,440 bilhões e saídas de US$ 5,380 bilhões.

Os números detalhados hoje confirmam o levantamento preliminar divulgado ontem pelo chefe do Departamento Econômico do BC, Altamir Lopes. No acumulado do mês até o dia 21, o fluxo cambial registra ingresso líquido de US$ 1,255 bilhão. O resultado foi gerado pela contribuição positiva da conta financeira, que teve superávit de US$ 1,386 bilhão, causado por entradas de US$ 18,495 bilhões e saídas de US$ 17,109 bilhões.

Na conta comercial, agosto amarga déficit acumulado de US$ 131 milhões, resultado de importações de US$ 7,762 bilhões e exportações de US$ 7,631 bilhões. No acumulado do ano, o fluxo cambial é positivo em US$ 5,190 bilhões, sendo que a conta comercial tem superávit de US$ 9,864 bilhões e o segmento financeiro apresenta saída líquida de US$ 4,673 bilhões.

As compras de dólares realizadas pelo Banco Central aumentaram as reservas internacionais em US$ 2,049 bilhões em agosto até o dia 21. De acordo com o BC, o impacto das intervenções na terceira semana do mês, entre os dias 17 e 21, somou o equivalente a US$ 748 milhões. Nesse período, destaque para o dia 21, quando as reservas cresceram US$ 677 milhões, resultado da compra da moeda norte-americana realizada pelo BC em 19 de agosto. Desde que as compras diárias da divisa começaram, em maio, a autoridade monetária já retirou US$ 10,207 bilhões do mercado de câmbio à vista.

Tudo o que sabemos sobre:
BCfluxo cambial

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.