coluna

Louise Barsi explica como viver de dividendos seguindo o Jeito Barsi de investir

Beba uma xícara de café e ajude a levar água limpa a quem não tem

Empresa americana expande o conceito de um para um: cada unidade vendida ajuda a financiar a melhoria das condições de vida de alguém em algum lugar do mundo

The New York Times,

12 de março de 2014 | 18h27

AUSTIM - O que sapatos e café têm em comum? Nada, ao que parece - a não ser nas mãos de Blake Mycoskie, empresário fundador da Toms, uma empresa americana com lojas de calçados espalhadas pelo mundo. A empresa promete dar um par de sapatos para uma criança pobre para cada par vendido.

A empresa também tem uma rede de óticas que promete óculos de graça para uma pessoa carente cada vez que alguém entra na loja e compra um par de óculos.

Agora o empresário desenvolveu uma linha de café que está sendo vendido com uma contrapartida semelhante: quem compra um quilo de café Toms ajuda a financiar água limpa em alguma região do mundo carente de saneamento.

A intenção é ajudar a resolver um problema que afeta mais de dois bilhões de pessoas no mundo, segundo dados das Nações Unidas.

Conceito. "Alguns podem estranhar que uma empresa de sapatos passe a vender café, mas estamos ampliando um conceito chamado um para um", disse Mycoskie em uma entrevista.

Ele revelou que o café Toms será embalado em sacos azuis e brancos que imitam caixas de sapatos Toms. A entrevista foi no South by Southwest, evento anual, em Austin, Texas, que reúne cineastas, entusiastas de tecnologia e músicos e serve como uma vitrine para os novos produtos e ideias .

Cada saco de café Toms financiará valor de uma semana de água limpa para uma pessoa, disse Mycoskie. Xícaras de café vão financiar um dia de água potável para uma família.

"O ingrediente número 1 do café é a água, e o café é frequentemente cultivado em lugares onde a água limpa é escassa", disse Mycoskie .

Desde que a Toms foi fundada, em 2006, o modelo pioneiro de um-para-um de Mycoskie cresceu rapidamente à medida que novas empresas perceberam sua atração para os consumidores socialmente conscientes.

Até o momento, a Toms deu 10 milhões de pares de sapatos para crianças pobres, e 200 mil óculos para pessoas sem condições de comprá-los.

Expansão. "Há duas coisas que você precisa para aliviar a pobreza: educação e emprego", diz o empresário.

A rede Toms de café terá inicialmente lojas na Coreia do Sul, Dubai, Amsterdã e outras localidades internacionais. Nos Estados Unidos as primeiras lojas serão em Austin, Nova York e Portland.

O dinheiro gerado pelo negócio de café irá subscrever uma variedade de projetos de água, disse Fries Sebastião, que supervisiona todos os esforços da empresa.

Entre os planos está o de atuar junto com a Water For People, grupo sem fins lucrativos que trabalha para desenvolver sistemas de água sustentáveis ao redor do mundo.

O grupo poderá construir tanques para coletar água da chuva ou desenvolver sistemas de tubulação para obter água de lugares difíceis de alcançar para comunidades sem saneamento.

Tudo o que sabemos sobre:
Responsabilidade social

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.