finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Bernanke vê economia ''''forte''''

Documento ressalta que crescimento econômico parece mais equilibrado

Dow Jones Newswires, O Estadao de S.Paulo

21 de julho de 2007 | 00h00

O presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos), Ben Bernanke, disse ontem que, por ora, não vê ''''contágio significativo do setor de moradias sobre outras partes da economia''''. Ele acrescentou que ''''a maior parte do restante da economia está funcionando num nível bastante forte''''. As declarações foram dadas durante depoimento ao Senado.Bernanke observou que não houve grande impacto do setor imobiliário sobre os gastos dos consumidores. Ele reconheceu que usar os ativos imobiliários foi uma forma conveniente para os americanos elevarem a renda disponível.O presidente do Fed ressaltou que a contaminação dos problemas com as hipotecas subprime - direcionadas a clientes com maior probabilidade de dar um calote - implicará significantes perdas financeiras. Em resposta a perguntas feitas pelos senadores, Bernanke citou estimativas de que os prejuízos de crédito relacionados ao subprime podem se situar entre US$ 50 bilhões e US$ 100 bilhões.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.