Bernardo vê melhoria no ''''ambiente de negócios''''

O ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão, Paulo Bernardo, afirmou que o resultado do leilão de rodovias realizado anteontem, na Bovespa, é uma demonstração da melhoria do ambiente de negócios no Brasil. ''''O ambiente de negócios mudou muito e o resultado do leilão vai ajudar mais ainda a percepção de que o Brasil é um país de excelentes oportunidades de investimentos'''', disse o ministro.Em entrevista ao ''''Estado'''', ele ponderou que a percepção da diferença entre os preços dos pedágios que prevaleceram no leilão de ontem e os praticados atualmente pode motivar uma discussão sobre os preços de hoje. ''''Não quero me antecipar, mas, em algum momento, essa discussão irá surgir'''', comentou. Não se trata, segundo ele, de uma interferência no setor, mas de uma avaliação das condições que garantiram um preço de pedágio menor agora.O fato de destaque no leilão, insistiu o ministro, está relacionado à melhor percepção do investidor estrangeiro sobre o Brasil. ''''Com lances ousados, as empresas disseram que o Brasil é um país estável, com ambiente econômico de estabilidade e inflação baixa'''', acrescentou. ''''Os espanhóis estão apostando no crescimento econômico brasileiro'''', disse, ao se referir à empresa OHL, que dominou o leilão conquistando cinco trechos, entre eles os mais cobiçados: a Regis Bittencourt e a Fernão Dias. ''''São rodovias importantes.''''

O Estadao de S.Paulo

11 de outubro de 2007 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.