BHP prevê produção de aço abaixo de máximas na China

A produção de aço da China deverá continuar em patamares abaixo das máximas históricas por algum tempo, o que está sendo refletido no preço menor para minério de ferro, afirmou o executivo-chefe da BHP Billiton, Marius Kloppers. A China é o maior consumidor do mundo de aço e minério, matéria-prima essencial na produção siderúrgica.

CLARISSA MANGUEIRA, Agencia Estado

28 de novembro de 2011 | 11h07

Mais cedo, a Rio Tinto disse que continuou a embarcar minério de ferro à plena capacidade apesar da recente volatilidade no preço da commodity e que acredita que a indústria precisará aumentar a oferta em cerca de 100 milhões de toneladas por ano nos próximos oito anos para atender a demanda. A BHP e a Rio Tinto estão investindo bilhões de dólares para expandir a capacidade nos próximos anos.

Durante teleconferência, Kloppers afirmou que a companhia não tem exposição ao euro além de "um lápis ou uma lâmpada comprada em euros", e que todas as suas vendas, empréstimos e exposição comercial são em dólares. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinaaçoprodução

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.