Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

BID fecha com Bradesco operação pioneira <BR> de curto prazo

O diretor-executivo do Bradesco, José Guilherme de Faria, informou há pouco à Agência Estado que o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) realizou pela primeira vez no mundo uma operação de curto prazo (um ano). O volume de recursos é de US$ 110 milhões e faz parte de um acordo total de US$ 1 bilhão aprovado pelo BID para financiar as exportações brasileiras. O IFC, braço privado do Banco Mundial (BIRD), também repassou ao Bradesco US$ 70 milhões. O volume total captado pelo Bradesco junto ao BID e ao IFC é de US$ 180 milhões.Essas linhas foram repassadas ao Bradesco com juros de 3,5% ao ano, sendo que a instituição deve distribuir esses recursos junto aos clientes exportadores com uma margem (spread) entre 0,5% a 6% ao ano. O financiamento vai chegar para a clientela do Bradesco com um custo final entre 4% e 9,5% ao ano mais câmbio.Segundo Faria, o financiamento das exportações em 2001 foi de US$ 9,6 bilhões e atingiram US$ 12,5 bilhões em 2002. Este ano até o dia 23 de maio, os financiamentos totalizaram US$ 5,2 bilhões e o Bradesco tem uma participação de 22% do mercado de câmbio. O diretor disse que não há escassez de linhas no momento e que os vencimentos dos bônus em junho próximo não preocupam.Bradesco inicia captaçãoFaria também informou que a instituição decidiu na tarde de hoje iniciar um processo de captação de US$ 50 milhões "nos Estados Unidos e Europa". A coordenação da captação é do BNP Paribas, informou Lembi de Faria. Segundo ele, o prazo será de 18 meses, com taxa entre 4,75% e 5% ao ano. Faria disse que a última operação feita pelo banco, também de 18 meses, ocorreu no final de abril passado e teve taxa de 5,30% ao ano. O objetivo da operação, segundo o executivo, é repassar recursos para financiamento de capital de giro dos clientes da instituição. Faria espera concluir a operação até o final desta semana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.