Arquivo AE
Arquivo AE

Bill Gates lidera lista de maiores filantropos do mundo

Gates lidera relação graças aos US$ 28 bi que doou em seus 53 anos; segundo lugar ficou para George Soros

Efe,

24 de agosto de 2009 | 20h19

O criador da Microsoft, Bill Gates, lidera a primeira lista feita pela revista Forbes de filantropos que doaram mais de US$ 1 bilhão ao longo de suas vidas, informou nesta segunda-feira, 24, a publicação, que só descobriu 14 "super generosos" no mundo todo.

 

Dos 793 magnatas que têm um patrimônio superior a US$ 1 bilhão, apenas 11 estão na categoria de "super generosos", de acordo com a revista, que os qualifica de "possivelmente o subgrupo de ricos mais exclusivo do mundo".

 

Junto a esses 11, a "Forbes" incluiu na relação o fundador do consórcio de informática SAP, Dietmar Hopp, o financista James Stowers e o ex-banqueiro Herbert Sandler, que doaram mais de US$ 1 bilhão cada um, mas as doações fizeram com que as fortunas pessoais deles fossem inferiores a esse valor.

 

A publicação também explicou que o mexicano Carlos Slim ficou de fora da lista de 14 nomes porque a fundação do terceiro homem mais rico do mundo não quis dar detalhes sobre suas atividades.

 

Gates lidera a relação graças aos US$ 28 bilhões que doou em seus 53 anos de vida, a maioria canalizada através da fundação que leva seu nome e o de sua esposa, Melinda.

 

Em segundo vem o investidor George Soros, com US$ 7,2 bilhões investidos em causas tão distintas como programas de troca de seringas na Califórnia e pesquisas científicas na Rússia.

 

O multimilionário de origem húngara é seguido pelo fundador da Intel, Gordon Moore, que doou US$ 6,8 bilhões, e pelo financista Warren Buffett, com US$ 6,7 bilhões.

 

O promotor imobiliário Eli Broad, um dos grandes mecenas das artes em Los Angeles, ocupa o quinto lugar após ter doado US$ 2 bilhões.

 

Em seguida vêm o "guru" dos fundos mútuos James Stowers (US$ 1,9 bilhão), os ex-banqueiros Herbert e Marion Sandler (juntos US$ 1,5 bilhão) e o prefeito de Nova York e fundador da Bloomberg News, Mike Bloomberg (US$ 1,5 bilhão).

 

Também fazem parte da relação o empresário de Hong Kong Li Ka-shing (US$ 1,37 bilhão), o alemão Dietmar Hopp (US$ 1,25 bilhão) e o fundador da Dell, Michael Dell (US$ 1,2 bilhão).

 

A revista fechou a matéria com o outro fundador da SAP, Klaus Tschira, o industrial suíço Stephen Schmidheiney e o criador da "CNN", Ted Turner, que também doaram mais de US$ 1 bilhão.

Tudo o que sabemos sobre:
Bill GatesForbesfilantropia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.