Bill Gates: Microsoft não está procurando outros acordos

O presidente da gigante de informática Microsoft, Bill Gates, afirmou hoje que a companhia não está procurando outros acordos, após a retirada de sua oferta de US$ 47,5 bilhões para comprar o site de buscas Yahoo!. O executivo disse, em Tóquio, para onde viaja periodicamente, que a empresa despendeu "muito esforço" em suas conversas com o Yahoo! e decidiu perseguir "caminhos independentes".No último fim de semana, a Microsoft retirou sua proposta não solicitada, feita há três meses, pelo Yahoo!, por perceber que não haveria consenso sobre o valor da oferta. "Agora, no ponto em que estamos, a Microsoft está concentrada em estratégias independentes", declarou Gates.O executivo afirmou que a companhia está determinada a fazer avanços em seu serviço de busca, incluindo na área de Marketing. Segundo Gates, reuniões têm sido realizadas para elaborar planos mais específicos.A tentativa da Microsoft de comprar o Yahoo! é amplamente vista como um sinal de fraqueza da estratégia de publicidade e busca online independente da empresa. Agora ela precisa provar que pode inovar sem o Yahoo! como parceiro. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.