Bird: queda no capital para países em desenvolvimento

A recessão econômica global e a crise nos mercados financeiros atingiram duramente o fluxo de capital privado para os países em desenvolvimento, que despencou 41% no ano passado, para US$ 707 bilhões. Este ano, o fluxo de capital internacional deve cair outros 48%, para US$ 363 bilhões, antes de se recuperar em 2010, prevê o Banco Mundial no relatório "Finanças em Desenvolvimento Global 2009: Traçando uma Recuperação Mundial".

NATHÁLIA FERREIRA, Agencia Estado

22 de junho de 2009 | 00h45

Apenas o investimento estrangeiro direto (IED) para essas nações deve registrar este ano a primeira queda em uma década. A queda no fluxo de capital para as nações em desenvolvimento no ano passado reverteu uma tendência de alta iniciada em 2003, que atingiu o pico de US$ 1,2 trilhão em 2007.

Ao mesmo tempo em que os ingressos diminuíram, as saídas líquidas de capital aumentaram. Segundo estimativas do Banco Mundial, a saída de capital atingiu US$ 244 bilhões em 2008, acima dos US$ 190 bilhões de 2007.

Tudo o que sabemos sobre:
Birdprojeção

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.