BIS vê melhora 'modesta' do crédito global

O crédito bancário internacional continuou em recuperação no segundo trimestre. Dados do BIS mostram que os empréstimos bancários transfronteiriços registraram crescimento nominal de 1,11% na comparação com os três primeiros meses do ano. Esse foi o segundo trimestre seguido com aumento de operações após a contração dos volumes em 2012 e 2013.

O Estado de S.Paulo

21 de outubro de 2014 | 02h04

Em termos nominais, o total de empréstimos bancários externos aumentou em US$ 329,35 bilhões no segundo trimestre na comparação com os três meses anteriores. O total de operações internacionais atingiu a marca de US$ 29,94 trilhões.

Para o BIS, os dados mostram "modesta recuperação do crédito internacional durante o segundo trimestre de 2014".

Esse aumento dos volumes, nota o BIS, "parece ter coincidido com o crescente apetite por risco" observado nos mercados. O relatório nota que os bancos compõem uma opção menos usada de financiamento que o mercado de emissão de dívida. "Os empréstimos continuam a ser um canal menos ativo para o crédito internacional do que os mercados de títulos."

O aumento do financiamento bancário foi liderado pelas operações para os países em desenvolvimento. Mercados emergentes registraram alta nominal de 2,48% no total de empréstimos, para US$ 3,93 trilhões. Transações para os países desenvolvidos registraram alta de 0,85%, para US$ 21,69 trilhões. / F. N.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.