Gatis Gribusts / Creative Commons
Gatis Gribusts / Creative Commons

BNDES aprova R$ 252 milhões para fábrica de medicamentos em Pernambuco

Fábrica, construída no Complexo de Suape, no município de Cabo de Santo Agostinho, será a primeira de um grupo farmacêutico brasileiro no Nordeste

Agência Brasil

07 Maio 2018 | 14h09

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou empréstimo de R$ 252,1 milhões para o início da primeira fase da construção de uma fábrica de medicamentos, no Complexo de Suape, no município de Cabo de Santo Agostinho (PE).

+ Projeto para cobrir calote de Venezuela e Moçambique vai a sanção

O financiamento equivale a 77,7% do investimento necessário à primeira etapa, a um custo de R$ 325,8 milhões, que deverá saltar para R$ 500 milhões ao final do projeto. A fábrica vai gerar cerca de 500 empregos qualificados e cerca de 2.500 empregos indiretos na região.

Liderada pela Aché Laboratórios, será primeira fábrica de um grupo farmacêutico brasileiro no Nordeste.

O apoio do BNDES também prevê investimentos sociais na comunidade como a utilização de mão de obra qualificada local, tanto na construção quanto na operação da fábrica. O lançamento da pedra fundamental da obra ocorreu nesta segunda-feira, 7.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.