BNDES deve fazer aporte de R$ 300 milhões na Infraero

O presidente do BNDES, Guido Mantega, disse hoje que o Fundo Nacional de Desenvolvimento (FND) deverá fazer um aporte na Infraero, em 2005, de R$ 300 milhões para a realização de obras de modernização e construção de aeroportos. Mantega acrescentou que poderá haver uma injeção maior de recursos, mas de acordo com um cronograma de longo prazo.Ele não especificou o valor total nem se esse aporte vai alterar a participação do FND na Infraero, onde detém 11% das ações. Segundo ele, para a realização da operação, faltam apenas ajustes técnicos, inclusive a remessa pela Infraero do cronograma de obras a ser realizadas.Mantega admitiu a possibilidade de o BNDES participar do financiamento da nova estrutura da Varig. Ressaltou que seria impossível aprovar qualquer investimento na Varig nas circunstâncias em que a empresa está. "O BNDES poderá ter um papel a cumprir para financiar alguma empresa saudável, ou um fundo, mas não diretamente a Varig, na situação em que ela se encontra".O executivo disse que chegou a receber uma proposta de participação do BNDES na Varig, há três semanas, mas disse não saber se o projeto é do velho ou do novo Conselho de Administração da companhia aérea.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.