BNDES e BMG fecham parceria para operações de microcrédito

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o Banco BMG vão operar em parceria em operações de microcrédito. Segundo nota divulgada hoje pelo BNDES, serão concedidos financiamento de até R$ 3 milhões para o BMG aplicar nas operações a serem realizadas na região do Grande ABC paulista. Ainda segundo a nota, os recursos serão repassados pelo BMG com taxa de juros média de até 2% ao mês para créditos em média de R$ 1 mil, segundo as condições do Programa de Microcrédito do BNDES. Cerca de 30 entidades em todo o País, como agências de fomento, sindicatos, cooperativas de crédito, entidades de classe, prefeituras e governos estaduais, já procuraram o BNDES, interessadas em operar o Programa de Microcrédito. O BMG, segundo o BNDES, já firmou parceria com entidades como o sindicato dos metalúrgicos do Grande ABC, o Centro das Indústrias do Estado de São Paulo, a diretoria regional de São Bernardo do Campo e com o Sebrae/SP Grande ABC. Estes parceiros atuarão na identificação, formação e capacitação de novos empreendedores, tornando-os aptos à captação dos recursos. Nesta primeira etapa, o BMG atuará principalmente no município de São Bernardo do Campo, "onde há grande concentração de trabalhadores informais com vocação empreendedora". A nota explica que serão beneficiadas pessoas físicas que já exerçam ou desejem iniciar atividades produtivas, incluindo os prestadores de serviços. Poderão também se habilitar ao crédito os micro empreendedores com o objetivo de abrir um novo negócio ou desenvolver suas atividades.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.