BNDES estima alta de até 10% nos investimentos em infraestrutura

Banco deve financiar entre um terço e dois terços das concessões de aeroportos ao setor privado 

Ricardo Leopoldo, da Agência Estado,

27 de outubro de 2011 | 11h13

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho, afirmou hoje que o empenho do governo com infraestrutura fará com que os investimentos no setor avancem de 9% a 10% nos próximos 5 anos. Segundo ele, também são urgentes as reformas micro para induzir o financiamento de longo prazo no País.

Em seminário realizado hoje pela Febraban e pelo BNDES sobre o financiamento de longo prazo, Coutinho afirmou que é preciso financiar em reais o desenvolvimento do País, especialmente em projetos de infraestrutura. Segundo ele, não faz sentido financiá-lo em moeda estrangeira, porque as empresas do setor têm receitas em reais, o que poderia gerar descasamento de caixa.

Coutinho acrescentou que o BNDES deve financiar entre um terço e dois terços das concessões de aeroportos ao setor privado no Brasil, que começarão com Guarulhos (SP), Campinas (SP) e Brasília. "Cada caso será analisado com cuidado e terá um funding específico. Mas não seria adequado dedicar mais recursos do que este patamar", destacou.

Tudo o que sabemos sobre:
Luciano CoutinhoBNDESinfraestrutura

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.