Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

BNDES: não se cogita privatização da Infraero

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) divulgou nota esta tarde na qual afirma que "não se cogita" a privatização da Infraero. A nota foi assinada pelo presidente do BNDES, Luciano Coutinho.Na nota, Coutinho diz que "em relação ao texto publicado hoje no jornal ''Valor Econômico'', sobre a Infraero, venho a público esclarecer que não se cogita a privatização da empresa". Segundo ele, o BNDES, a pedido do governo, estuda a abertura do capital da Infraero, mantendo o Estado como acionista majoritário e o controle público sobre a companhia. "As mudanças que estão sendo analisadas têm o objetivo de profissionalizar a gestão (da Infraero) e abrir o seu capital na Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo) no nível II de governança (corporativa)". Ele conclui que "as especulações sobre a privatização da companhia carecem, portanto, de qualquer fundamento".

JACQUELINE FARID, Agencia Estado

28 de fevereiro de 2008 | 14h38

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.