Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

BNDES tem lucro no 1o semestre maior que bancos comerciais

O Banco Nacional deDesenvolvimento Econômico e Social (BNDES) encerrou o primeirosemestre com lucro recorde de 4,4 bilhões de reais, resultado34 por cento superior ao obtido um ano antes e maior que o dosbancos comerciais. O desempenho foi alavancado pela recuperação de crédito,que contribuiu com 1,2 bilhão de reais, e pelas operações derenda variável, com 2,2 bilhões de reais. "Os resultados foram extraordinariamente favoráveis emfunção da melhoria significativa da recuperação na carteira decrédito, que resultou num ganho ótimo de rentabilidade",afirmou o presidente do BNDES, Luciano Coutinho. Na semana passada, o Conselho de Administração do BNDESaprovou um aumento no orçamento deste ano para 65 bilhões dereais em desembolsos, contra estimativa anterior de 61 bilhõesde reais. Até julho, os desembolsos do banco de fomento atingiram31,2 bilhões de reais, 38,2 por cento acima de igual período de2006. No período, os destaques foram os empréstimos para ossetores de infra-estrutura (10,7 bilhões de reais) e indústria(15 bilhões de reais). "Em 9 de novembro teremos uma outra reunião para falarsobre o orçamento. Acreditamos que em 2008 e 2009 vamos ter quemelhorar o nosso ''funding'' para atender à demanda crescente porfinanciamento", disse Coutinho. O resultado do BNDES no primeiro semestre se compara aoslucros líquidos de 4,016 bilhões do Itáu, de 4,007 bilhões dereais do Bradesco e de 2,5 bilhões de reais do Banco do Brasil. (Por Rodrigo Viga Gaier)

REUTERS

15 de agosto de 2007 | 17h47

Tudo o que sabemos sobre:
NEGOCIOSBANCOSBNDESLUCRO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.