Boatos dão como certa aliança entre Arcor e Danone

O grupo argentino de alimentos Arcor está negociando uma fusão regional de seus negócios de biscoitos e bolachas com o francês Danone, que na Argentina é dona de Bagley, segundo informações veiculadas na imprensa local. Se a fusão for concretizada, a nova empresa conquistará nada menos que 43,5% desse mercado no país. Embora fontes do mercado insistam em afirmar que o negócio está caminhando a passos largos, as assessorias das duas empresas negam-se a comentar a notícia. A assessoria da Arcor limitou-se a dizer que a "empresa não fará nenhum comentário sobre o que está nos jornais", com o disse à Agência Estado, a assessoria de imprensa de Arcor. "Não falaremos sobre versões", disseram na Danone. O boato do mercado fala de uma aliança estratégica entre Arcor e Danone, sendo que essa última foi alvo de uma versão inicial de que queria abandonar seu negócio, vendendo Bagley. Nesse caso, Danone desmentiu a venda mas deixou escapar a possibilidade de que haja uma parceria com Arcor na Argentina, Brasil e Chile. A Arcor é uma gigante no setor de guloseimas e bolachas. Em fevereiro, a Danone declarou seu interesse de fortalecer sua posição nessa área. Porém, uma parceria entre Arcor e Danone não seria muito simples já que ambas possuem produtos altamente competitivos entre si, como as bolachas Criollitas, de Bagley, e as Serranitas, de Arcor, ou os alfajores Bagley e os Tofi. A Danone manteria fora da operação de união, os iogurtes La Serenísima e as águas minerais Villa del Sur e Villavicencio.

Agencia Estado,

04 Março 2004 | 08h15

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.