Bolha cambial faz Aracruz cancelar pagamento de juros

Decisão da diretoria da empresa decorre de problemas com o cenário econômico mundial

Cesar Bianconi, Agência Estado

14 Outubro 2008 | 10h37

A Aracruz informou nesta terça, 14, que resolveu cancelar o crédito e o pagamento de juros sobre capital próprio no valor de R$ 84 milhões, previsto para ocorrer a partir de 15 de outubro. Segundo a empresa, a decisão da diretoria da empresa foi decorrente dos problemas enfrentados pela companhia com operações de derivativos e em meio ao "atual cenário nacional e internacional".   Veja também: Euforia com socorro global faz mercado asiático fechar em alta Austrália e Japão anunciam novas medidas para conter crise Bush fará novo pronunciamento sobre economia nesta terça  Como o mundo reage à crise  Confira as medidas já anunciadas pelo BC contra a crise Entenda a disparada do dólar e seus efeitos Especialistas dão dicas de como agir no meio da crise A cronologia da crise financeira      No último dia 25, a Aracruz informou que a exposição da empresa a derivativos foi "fortemente influenciada" pela valorização das cotações do dólar, sobretudo em setembro, e que ela poderia ter excedido os limites previstos na sua política financeira. O então diretor financeiro e de Relações com Investidores da companhia, Isac Zagury, apresentou pedido de licença do cargo. Uma semana depois, em 2 de outubro, a Aracruz informou que a consultoria contratada para analisar as operações com derivativos da empresa apurou que o valor justo de seus contratos estava negativo em cerca de R$ 1,95 bilhão em 30 de setembro.

Mais conteúdo sobre:
Aracruz juros câmbio

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.