Gabriela Biló/Estadão
Gabriela Biló/Estadão

Bolsa cai com decepção com resultados financeiros e cautela com debate eleitoral

Ibovespa cai 0,48%, aos 78.767 pontos, e dólar à vista subiu 1%, cotado a R$ 3,8017

Simone Cavalcanti, Ana Luísa Westphalen e Paula Dias, O Estado de S.Paulo

09 Agosto 2018 | 10h43
Atualizado 09 Agosto 2018 | 19h13

Uma mistura entre a decepção com alguns resultados financeiros divulgados por empresas importantes e o sentimento de cautela dos investidores em relação ao que está por vir no primeiro debate entre os candidatos à Presidência da República, nesta quinta-feira, 9, às 22h, fez com que a Bolsa de Valores operasse majoritariamente em terreno negativo durante o pregão do dia. 

O índice com as principais ações negociadas no mercado, o Ibovespa, encerrou a sessão de negócios em baixa de 0,48%, aos 78.767,99 pontos. O giro financeiro, nome que se dá ao montante gerado pela compra e venda de papéis, ficou em R$ 10,13 bilhões.

O dólar à vista, utilizado por empresas em compra e venda de produtos com o mercado exterior, subiu 1,00% e atingiu seu maior valor em três semanas, cotado a R$ 3,8017. 

A alta ocorreu em meio ao volume de negócios reduzido e foi conduzida por fatores externos. Lá fora, a moeda americana avançou ante outras divisas, com o Dollar Index (DXY), que compara o dólar com outras moedas fortes, atingindo seu maior patamar em mais de um ano.

Bolsa em queda

​De acordo com especialistas em mercado acionário, a tensão com as eleições sempre existe, mas dizem que nesta quinta-feira os ativos estão sofrendo um pouco mais por causa de alguns resultados que vieram negativos. 

De fato, contribuíram para a depreciação do índice a queda das ações da Suzano, que veio com prejuízo acima do previsto e ainda os papeis de Cosan e da Braskem que também foram influenciados por balanços mais fracos.

Limitou a queda o desempenho das ações de Banco do Brasil ON (2,97%) - por conta de um resultado considerado muito positivo - e a influência praticamente neutra do mercado acionário em Wall Street.

Em relatório, Pedro Paulo Silveira, economista-chefe da corretora Nova Futura lembra que o Ibovespa abriu o dia em alta, subiu quase 700 pontos, mas, abruptamente, reverteu a alta. 

A maior parte das ações passou a cair, levando o índice à vista a uma queda de mais de 1,0% em poucos minutos. O motivo, aparentemente, estava relacionado ao resultado da pesquisa eleitoral a ser divulgada pela corretora XP nesta sexta-feira, 10.

As atenções serão voltadas para o primeiro debate entre os candidatos ao Palácio do Planalto, que será transmitido nesta noite pela TV Bandeirantes. Estarão presentes Jair Bolsonaro (PSL), Geraldo Alckmin (PSDB), Marina Silva (Rede), Ciro Gomes (PDT), Alvaro Dias (Pode), Henrique Meirelles (MDB), Guilherme Boulos (PSOL) e Cabo Daciolo (Patri). Preso em Curitiba, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não conseguiu autorização da Justiça para participar.

 




Mais conteúdo sobre:
bolsa de valores dólar Banco do Brasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.