Bolsa abre em baixa com Nasdaq e deve seguir NY

A manhã não está começando muito bem para o mercado de ações, tanto interna como externamente, com o Ibovespa em baixa de 0,28%. O mercado segue a Nasdaq, que recuava mais de 2%. A informação de que a France Telecom reduziu em cerca de 18% o preço para oferta pública (IPO) das ações da inglesa Orange está mexendo com a Nasdaq. A avaliação dos analistas é de que essa decisão fecha mercado nos EUA para novas captações das empresas celulares e pode acabar tendo efeito negativo na cotação dos papéis das empresas de telefonia brasileira, especialmente num dia sem notícias novas no front doméstico. A bolsa eletrônica americana também está reagindo negativamente à divulgação dos resultados da Cisco Systems, que ficou abaixo do projetado pelos analistas. O mercado também acompanha o comportamento do petróleo, que subia 0,3% em NY e 0,60% em Londres. Outra notícia que poderá ter impacto nos negócios é o indicador de produtividade do 4º trimestre de 2000, que sai às 11h30. É mais um dado que pode ajudar o mercado a ter uma noção mais precisa do ritmo de desaceleração da economia americana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.