carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

BOLSA ÁSIA-Índices avançam por lucros fortes na região e nos EUA

As bolsas de valores asiáticas terminaram em alta nesta sexta-feira, com investidores encorajados por bons resultados corporativos nos Estados Unidos e na região e otimismo sobre a recuperação.

SUSAN FENTON, REUTERS

23 de outubro de 2009 | 08h04

O índice Nikkei, de TÓQUIO, ganhou 0,15 por cento, para 10.282 pontos, com as ações de maquinás de construção em alta por esperanças sobre a economia da China. Contudo, a Japan Ailines desabou quase 7 por cento, após o jornal Nikkei ter publicado que alguns credores pediram à companhia aérea que reduza seu capital.

Os papéis de exportadores, como os da gigante Sony, subiram ancorados na desvalorização do iene.

O índice de XANGAI subiu 1,85 por cento, para 3.107 pontos, conduzido por ações do setor de energia e de metais em meio à firmeza dos preços das commodities. O mercado chinês registrou ganhos pela terceira semana consecutiva, conforme a confiança na recuperação econômica se intensificou.

A bolsa de SEUL teve oscilação positiva 0,6 por cento, para 1.640 pontos, com os papéis de montadoras, como a Kia Motors, em valorização após um forte conjunto de resultados trimestrais.

A Hynix Semiconductor, segunda maior fabricante de chips de memória do mundo, anunciou lucro trimestral após sete trimestres consecutivos de perdas. Já a Kia Motors, segunda maior do país, divulgou lucro recorde no terceiro trimestre, superando as expectativas, o que ampliou a alta de suas ações.

Em TAIWAN houve alta de 0,54 por cento, para 7.649 pontos, acompanhando uma recuperação em Wall Street. As ações das principais fabricante de computadores, Asustek e Acer, apresentaram bom desempenho após o lançamento do sistema operacional Windows 7.

SYDNEY subiu 0,97 por cento, para 4.859 pontos, conforme sólidos balanços nos EUA tranquilizaram investidores e os papéis do segmento financeiro ganhando antes da divulgação dos resultados dos bancos locais na semana que vem.

CINGAPURA avançou 1,24 por cento e HONG KONG 1,71 por cento.

Às 7h52 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne as principais bolsas da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão subia 1,35 por cento, para 412 pontos.

Analistas afirmaram que o avanço dos mercados globais ajudou a impulsionar a confiança do investidor, mas não o suficiente para puxar o mercado local para novos picos.

"Os investidores agora estão olhando além do terceiro trimestre e entrando no quarto trimestre... e eles estão sentindo que o crescimento dos lucros neste trimestre pode não ser tão robusto", afirmou Park Suk-hyun, analista de mercado da Eugene Investment & Securities.

Tudo o que sabemos sobre:
BOLSAASIAFECHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.