Bolsa de Tóquio cai 1,4% com valorização do iene

A renovada alta da moeda japonesa afetou ações de exportadoras e fez crescer a cautela do investidor, de olho no balanço das empresas

Agência Estado,

20 de julho de 2012 | 05h48

A Bolsa de Tóquio fechou em queda acentuada nesta sexta-feira. A renovada valorização do iene aumentou a cautela dos investidores sobre a temporada dos balanços corporativos nipônicos. Isso fez cair as ações das principais exportadoras, como Canon, que perdeu 1,6%, e Toyota Motor, que deslizou 1,8%.

O Nikkei caiu 125,68 pontos, ou 1,4%, e terminou aos 8.669,87 pontos, após alta de 0,8% na sessão de quinta-feira - foi a pior pontuação em três semanas. O volume de negociações permaneceu fraco, com 1,6 bilhão de ações.

No fechamento do mercado de ações, o dólar esteve cotado a 78,59 ienes, depois de cair para um mínimo em seis semanas, a 78,42 ienes na quinta-feira, em meio às expectativas de flexibilização adicional por parte do Federal Reserve dos EUA e as persistentes preocupações sobre a crise da dívida soberana europeia.

"A perspectiva econômica na zona do euro ainda é sombria", disse Yoshihiro Okumura, gerente geral de pesquisas da Chibagin Asset Management. "A chave é como negativamente isso vai afetar a economia global." As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
bolsasTóquio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.