coluna

Louise Barsi explica como viver de dividendos seguindo o Jeito Barsi de investir

Bolsa de Tóquio fecha em queda de 1,6%

A Bolsa de Tóquio fechou com o índice Nikkei-225 em queda de 182,22 pontos (1,61%), em 11.144,84 pontos - o nível de fechamento mais baixo desde 15 de abril. Traders disseram que investidores temem uma possível volatilidade no vencimento de amanhã dos contratos futuros de junho, mesmo que a transição para o contrato de setembro pareça ter ocorrido calmamente.Os investidores também aguardavam a reunião do conselho econômico e o encontro - marcado para o final de semana - dos ministros de Fazenda do Grupo dos Sete.Todos estes fatores provocaram uma acentuação nas vendas no mercado futuro, disseram traders. As ações de tecnologia e as blue-chips de empresas exportadoras caíram, apesar dos fortes ganhos na abertura estimulados pela alta nos principais índices do mercado acionário norte-americano e pelo avanço do dólar em relação ao iene.Os papéis da Canon recuaram 2,1% com o anúncio de que duas de suas subsidiárias que têm ações cotadas em Bolsa - a Canon Aptex e a Copyer Co. - se união em uma fusão em janeiro. No entanto, as ações da Canon Aptex e da Copyer subiram (7,9% e 8,6%, respectivamente). Com o acordo, uma ação da Copyer será trocada por 0,41 ação da Canon Aptex.O setor em que foram registradas mais perdas foi o de corretoras (Nomura Holdings -6,2%; Daiwa Securities -4,4%; Nikko Cordial -5,6%), com preocupações em relação a uma possível queda no faturamento com as comissões por causa das perdas no mercado acionário. Alguns traders disseram que o ritmo dos negócios deverá diminuir amanhã à tarde porque participantes do mercado começarão a se dispersar com o jogo do Japão contra a Tunísia na Copa do Mundo.O Topix, barômetro amplo do movimento de todos os papéis da primeira etapa da sessão, fechou em queda de 19,16 pontos (1,8%) , em 1.074,52 pontos - o nível mais baixo dos últimos 30 dias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.