Bolsa de Tóquio recua 1,5%, com NY e alta do iene

A Bolsa de Tóquio fechou em queda ante o mau desempenho das bolsas de Nova York e a valorização do iene, enquanto ações ligadas a matérias-primas, como Mitsui, perderam terreno depois que os preços do ouro e do petróleo se enfraqueceram. O índice Nikkei 225 caiu 153,27 pontos, ou 1,5%, e fechou aos 10.198,83 pontos.

Hélio Barboza, da, Agência Estado

24 de fevereiro de 2010 | 08h02

De acordo com os traders, o depoimento ao Congresso do presidente do Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA), Ben Bernanke, nesta quarta-feira, bem como os dados do PIB e da produção de bens duráveis nos EUA podem determinar a direção do mercado pelo resto da semana.

"O mercado japonês pode não ser afetado seriamente desde que o iene não se valorize mais", disse Tsuyoshi Kawata, estrategista da corretora Nikko Cordial Securities. Segundo Kawata, a previsão é que o Nikkei 225 encontre sustentação acima dos 10 mil pontos. O dólar era negociado a 90,25 ienes no fechamento da Bolsa. As informações são da Dow Jones

Tudo o que sabemos sobre:
bolsas, Tóquio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.