Bolsa de Tóquio tem nova mínima em 19 anos

A Bolsa de Tóquio voltou a cravar uma nova mínima em 19 anos, com as vendas intensificadas pela queda de ontem em Wall Street e também pelas preocupações sobre o declínio do valor das carteiras dos bancos. O índice Nikkei-225 caiu 141,95 pontos (-1,5%), para encerrar a sessão em 9.075,09, o menor nível desde agosto de 1983. O Nikkei-225 completou sete pregões seguidos de baixa, o que configurou a mais longa seqüência de perdas desde o período de 8 a 17 de janeiro. O Topix, índice mais amplo que reflete o movimento de todos os papéis da primeira etapa da sessão, cedeu 17,85 pontos (-2%),para 886,39 pontos, o menor nível desde dezembro de 1984. O ambiente no mercado se deteriorou novamente com a inexistência de sinais de que haja uma guinada do mercado para cima no curto prazo ampliando as preocupações sobre o valor dos ativos dos bancos. "Os operadores começaram a se preocupar sobre a habilidade dos bancos em fazer frente aos tomadores de empréstimos em situação problemática", comentou o estrategista da Mizuho Investors Securities, Masatoshi Sato. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.