Bolsa fecha em alta de 0,59% e juros futuros recuam

No dia do vencimento de contrato de Ibovespa ? índice que mede a valorização das ações mais negociadas na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) ? e de opções sobre o índice na Bolsa, foram movimentados R$ 1,235 bilhão no pregão paulista. O número de negócios foi recorde, de 60.236, e o Ibovespa fechou em alta de 0,59%.Nada atrapalhou o andamento dos negócios para quem apostou em alta do Índice. Até o encerramento do mercado acionário, tudo indicava que a Câmara encerraria a votação da reforma da Previdência em primeiro turno hoje. Pouco depois das 17 horas, chegou a informação de que o plenário havia rejeitado o requerimento do PFL para retirar a matéria da pauta.Outro assunto incômodo seria a votação, pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), do índice de correção das tarifas de telefonia. A sessão foi adiada, por causa de um pedido de vistas ao processo. Qualquer decisão hoje influenciaria profundamente o ritmo dos negócios, pelo peso que as teles têm no Ibovespa. A idéia que os investidores têm sobre este assunto é que a definição de um reajuste por outro índice diferente do Índice Geral dos Preços de Mercado (IGP-M) seria quebra de contrato, já que este foi o índice definido em contrato.Juros e dólarNo mercado de juros futuros, os contratos de com taxas pós-fixadas e vencimento em janeiro de 2004 pagavam taxa de 21,650% ao ano, frente a 21,780% ao ano pagos ontem. Os C-Bonds, principais títulos da dívida brasileira, foram negociados a 86,125 centavos por dólar, em queda de 0,56% em relação aos neócios de ontem.No mercado cambial, o dólar comercial encerrou o dia em queda de 0,66% em relação aos últimos negócios de ontem. Na ponta de venda das últimas operações do dia, a moeda norte-americana foi negociada a R$ 3,0100. Na abertura do mercado, o dólar foi cotado a R$ 3,0460 ? patamar máximo desta quarta-feira. A cotação mínima ficou em R$ 3,0070. Com o resultado de hoje, o dólar registra alta de 1,52% em agosto e queda de 14,97% no acumulado do ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.