finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Bolsa fecha em alta de 2,08%; dólar sobe 0,09%

Com dois pregões consecutivos em alta nesta semana, a bolsa paulista passou ao terreno positivo no acumulado do mês de julho. O Ibovespa fechou em alta de 2,08%, com 25.536 pontos. Operou entre a máxima de 25.576 pontos (2,24%) e a mínima de 24.932 pontos (-0,33%). Com esse resultado, a bolsa saiu do terreno negativo em julho e passou a acumular alta de 1,94% neste mês e baixa de 2,52% em 2005. O movimento financeiro ficou em R$ 1,339 bilhão. O dólar comercial fechou na cotação máxima, em alta de 0,09%, a R$ 2,343, após três quedas seguidas.Os preços futuros do petróleo registraram novo recorde intraday após a revisão em alta das projeções para a demanda global no terceiro trimestre. Depois de atingir US$ 61,10 o barril por volta das 13 horas, o petróleo para agosto em Nova York desacelerou para fechar em alta de 2,89%, a US$ 60,62 o barril.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.