Bolsa fecha em queda de 2,77% e dólar sobe 0,71%

Dia difícil para as ações nesta volta de feriado. O Ibovespa - índice que mede o desempenho das ações mais negociadas na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) ? fechou em baixa de 2,77%, em 23.289 pontos, com apenas cinco ações em alta. Na mínima, chegou a cair 3,70%, operando quase abaixo dos 23 mil pontos.As operações relacionadas aos vencimentos de operações no mercado futuro fizeram com que fosse batido recorde histórico de negócios no pregão, de 105.941, e que o volume atingisse R$ 3,265 bilhões. Dados preliminares indicavam que o exercício de opções sobre o Ibovespa movimentou R$ 625 milhões.A forte queda da Bolsa está relacionada ao vencimentos de operações no mercado futuro e à alta do petróleo. Em Nova York, o contrato futuro de petróleo com vencimento em novembro fechou a US$ 53,64 por barril. Em Londres, o barril do Brent para novembro encerrou em US$ 50,05.Com menor impacto, também a pesquisa da consultoria A.T. Kearney divulgada ontem foi citada como fator colaborador para a queda da bolsa. O levantamento mostrou que o Brasil caiu de 9º para 17º na lista de países com potencial para atrair investimento direto.O dólar comercial encerrou o dia em alta de 0,71% em relação aos últimos negócios de segunda-feira, cotado a R$ 2,8400 na ponta de venda das operações. As cotações oscilaram entre a máxima de R$ 2,8500 e a mínima de R$ 2,8270. Com o resultado de hoje, o dólar acumula alta de 2,17% no ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.