finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Bolsa não mudará horário de pregão

A Bovespa não mudará o horário de funcionamento do pregão para se adaptar ao fim do horário de verão nos EUA. Desde ontem, o mercado norte-americano de ações, com o fim do horário de verão, passou a operar das 12h30 às 19h (horário de Brasília).Os especialistas em mercado financeiro afirmam, no entanto, que a diferença de 1,5 hora entre o início do pregão da Bovespa e de Nova York não vai significar nenhum tipo de prejuízo para o mercado nacional. No entanto, eles apontam que nessa 1,5 hora de funcionamento da Bovespa os negócios estão fracos.Segundo o gerente de renda variável da Liqüidez Corretora, Gilberto Pereira, "existem os índices de futuro que dão um rumo para os investimentos do dia", enquanto Nova York não começa a operar . "A única coisa que muda com esse fuso horário é que ficamos uma hora a mais esperando. Não há efeitos para os negócios brasileiros."Já o diretor de pesquisas da Planner Corretora, Luís Antônio Neves, afirma que há efeito para o mercado, sim. "Esse espaço dá mais tempo para o mercado dar um giro. A bolsa americana acaba não se casando com as brasileiras e os preços do dia formam-se por aqui mesmo, gerando um comportamento paralelo. De certa forma, isso é bom, pois nós nos baseamos no dia anterior de Nova York e temos mais espaço para os negócios."Para o corretor do Banco Fator, Ermínio Oliva Vut, a abertura do mercado americano uma hora mais tarde do que de costume não causa prejuízo para o mercado brasileiro. "Mas, nesse período, teremos menos volume e conseqüentemente menos negócios." Ele diz que a bolsa americana serve como base, mas não como parâmetro.Na Argentina, a Bolsa de Buenos Aires mudou de horário, para se adaptar ao fuso americano. O pregão do mercado argentino passará a ser das 12h às 19h (horário de Brasília). Vários países da Europa Ocidental também saíram do horário de verão. A Bolsa de Londres, por exemplo, passará a fechar às 14h30.

Agencia Estado,

30 de outubro de 2001 | 09h19

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.