Bolsa sobe em dia de boato

O mercado financeiro teve um dia relativamente calmo e desta vez não se deixou influenciar por boatos de melhora na classificação dos títulos brasileiros pelas agências de risco. No entanto, prevalece o otimismo com a melhora na economia, como a queda da inflação em São Paulo - a primeira em três meses.A bolsa paulista fechou em alta de 0,67%, em 21.677 pontos, com volume negociado de R$ 1,072 bilhão. Em Nova York, o índice Dow Jones subiu 0,09% e o Nasdaq recuou 0,27%. O dólar comercial fechou com alta de 0,16%, a R$ 3,040. O C-Bond valorizou 0,27%, a 93,625 centavos de dólar e o risco Brasil teve queda de 4 pontos, em 621 pontos base. O mercado de juros futuros ficou praticamente estável. O DI mais líquido na BM&F (janeiro/05) registrou ligeira alta, projetando 16,44% contra 16,43% ontem.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.