Bolsas da Ásia avançam com ações ligadas a commodities

As bolsas de valores da Ásia terminaram em alta nesta sexta-feira, impulsionadas por firmeza dos preços do petróleo e dos metais que elevou ações de companhias ligadas a commodites. O dólar recuou com investidores cautelosamente aplicando parte de seus recursos em ativos de maior risco.

CHARLOTTE COO, REUTERS

26 de junho de 2009 | 08h09

Os futuros do petróleo nos Estados Unidos eram negociados acima de 70 dólares o barril diante de novos ataques rebeldes contra plataformas na Nigéria e preocupações de que um problema técnico na maior refinaria norte-americana possa apertar os estoques de gasolina.

Às 7h59 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne as principais bolsas da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão subia 1,74 por cento, para 323 pontos. O indicador avançou 30 por cento até agora neste ano, mas acumula queda de 27 por cento na comparação anual.

Já o indicador Nikkei, de TÓQUIO, fechou em alta de 0,83 por cento, a 9.877 pontos, com a fabricante de pneus Bridgestone em alta depois de ter elevado projeção de resultados. A Suzuki Motor também registrou ganhos após uma fonte ter dito que a Volkswagen está interessada em uma parceria.

O Nikkei também foi sustentado por um balanço melhor que o previsto da varejista norte-americana Bed Bath & Beyond que ajudou a reativar um expectativa de que a recessão nos Estados Unidos pode estar começando a enfraquecer.

O índice, que atingiu a máxima diária em oito meses de 10.170 pontos no começo deste mês, está a caminho do melhor trimestre desde setembro de 1995, tendo saltado 22 por cento frente ao término de março.

A bolsa de SYDNEY avançou 1,24 por cento, motivada por petrolíferas, bancos e pela Qantas Airways, que reduziu e adiou encomendas da aeronave Dreamliner, da Boeing, em uma medida de contenção de custos.

"O tom do mercado é razoável, as pessoas estão preparadas para comprar no período de baixa...mas também é difícil ver o mercado subindo adiante", afirmou David Spry, gerente de pesquisa da FW Holst, em Melbourne.

O mercado de TAIWAN ganhou 0,09 por cento, enquanto CINGAPURA avançou 0,67 por cento e XANGAI 0,11 por cento.

As ações em SEUL subiram 0,13 por cento e em HONG KONG 1,78 por cento.

Tudo o que sabemos sobre:
BOLSAASIAFECHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.